10 motivos para ter uma missão de vida

Ter uma missão de vida é usar todos os seus dons e talentos para trabalhar e se dedicar a aquilo que você acredita ser sua maior habilidade. É ter uma estratégia para atingir o sucesso pessoal e profissional, deixando de lado aquele hábito de trabalhar apenas para pagar as contas no final do mês.

Para facilitar, vou te dar a seguir 10 motivos para você entender porque ter uma missão de vida é capaz de mudar a sua vida:

1) Ter uma missão de vida é acabar com aquela sensação ruim de todo domingo à noite que surge ao ouvir a “musiquinha do Fantástico” e ir dormir empolgado com o fato que amanhã você vai trabalhar com algo que te dá prazer. Ir todos os dias para o trabalho pensando sem pensar em dinheiro, pois isso entra em segundo plano, se torna apenas uma consequência porque você encontra um propósito em cada atividade que realiza.

2) É uma forma de potencializar e colocar em prática uma habilidade que talvez você nem saiba que tem e que dará outro sentido para sua vida. E, dessa forma, você trabalhará dia após dia e o universo lhe entregará várias recompensas, entre elas, a recompensa financeira – dinheiro para pagar suas contas e ter uma vida mais confortável.

3) Trabalhar com o que se gosta é encarar seu trabalho como um hobby, algo que você curte, algo que te faz crescer internamente e, assim, você se sente construindo algo de fato importante. É trabalhar com paixão e amor todos os dias, pois só assim é possível entregar um produto ou serviço que agrade os clientes e, consequentemente, mais resultados.

4) Quando você trabalha com o que gosta, automaticamente deixa de se posicionar como vítima. Começa a entender que é dono da sua própria vida e, dessa forma, se torna mais responsável pela sua consciência e deixa de procurar culpados para os seus problemas.

5) Se você trabalha com a sua missão de vida, você se sentirá integrado a um quebra cabeça universal em que o seu dom e o seu talento é complementar à necessidade de outras pessoas. É ter a percepção de entregar aquilo que o universo precisa. É contribuir para a escala de evolução crescente dos seres humanos, em busca de um mundo mais perfeito, com todas as peças do quebra cabeça universal perfeitamente encaixadas.

6) Quando você consegue despertar para a sua missão de vida e descobrir qual é, você deseja refinar o que faz e tornar ainda melhores suas habilidades e talentos. É uma forma inclusive de corrigir suas deficiências e defeitos que provavelmente estão enraizados desde a infância por influências externas e se esforça para convertê-los em qualidades. De certa forma é melhorar de uma versão 1.0 para uma versão 2.0 e assim por diante.

7) Focar em sua missão de vida é sair do automático em que pouco usa suas habilidades e quase não vivencia desafios. Viver sem um propósito de vida gera ansiedade, mexe com a sua autoestima e pode inclusive desencadear desequilíbrios na sua saúde.

8) É quando você começa a pensar no seu trabalho de forma natural, espontânea e nos momentos mais inesperados, sem se incomodar com isso. Assim as ideias se tornam parte de um processo que você curte. Aliás, boas ideias só surgem quando gostamos do que fazemos e estamos emocionalmente envolvidos.

9) Outro ponto é que quando você trabalha na missão de vida, você trabalha mais feliz e, então, retorna para sua casa, para sua família, levando harmonia e felicidade – vibração esta que passa a fazer parte de uma vida como um todo e não só no trabalho.

10) Você vai perceber que encontrou sua missão de vida o dia em que perceber que trabalhar deixa de ser uma obrigação e passa a ser um prazer. Sabe quando você gosta tanto de fazer algo que não consegue parar e entra como se fosse em um fluxo em que não sente fome, cansaço e o tempo parece passar voando? Então, essa é sua missão de vida em que seu nível de habilidades e desafios estão equilibrados.